DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Fórum para partilhar as experiências de condução dos proprietários do Leaf 24 e 30 kW.h.
Avatar do Utilizador
noway
Mensagens: 265
Registado: 23 jul 2018, 08:39
Data de fabrico: 26 set 2018
Localização: Maia

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por noway » 15 jul 2019, 15:43

Não sei muito bem como interpretar o valor de Hx dado pelo LeafSpy. Uns dizem que representa a resistência interna da bateria (quanto mais alto o valor de Hx menos resistência interna apresenta => mais eficiente e menos temperatura gera nas cargas/descargas). Mas data a flutuação que o Hx tem no meu Leaf, eu acho que aquilo representa:
=> Hx - o estado de saúde instantâneo da bateria medido pelo BMS que está directamente relacionado com a resistência interna da bateria, sem qualquer processamento de dados históricos - é o "snapshot" da saúde da bateria naquele momento.
=> SoH - representa a saúde da bateria contabilizado pelo BMS desde o início da sua utilização - valor este que é gradualmente ajustado pelo BMS por estatística ou uma qualquer fórmula que apresenta uns saltos "programados" quase sem explicação no Leaf 40kWh. É um valor que vai descendo gradualmente (e nunca sobe... pelo menos nunca vi isso no meu leaf 40).

No meu leaf 40 tenho SoH=94.28% e Hx=111.35.... acham que isto faz sentido?
Nissan Leaf Tekna 40kWh desde 26-Set-2018

corrisi
Mensagens: 59
Registado: 01 dez 2018, 20:38
Data de fabrico: 01 jan 2011
Capacidade bateria: 65,5 Ah

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por corrisi » 15 jul 2019, 20:40

pemifer Escreveu:
15 jul 2019, 11:02
corrisi Escreveu:
08 jul 2019, 17:18
Concordo com todos. No entanto e sem ser demasiadamente metódico, se puder zelar pela bateria dentro das minhas possibilidades por que não fazê-lo!? Não é necessário estar todos os dias com o leafspy ligado para ter-se uma ideia da voltagem das células a determinada percentagem de bateria. 💪👌
Eu confesso que desconheço a parte mais minuciosa das voltagens.
O que faço, já fazia no Leaf anterior, é por o carregamento diário a parar à hora de saída, quer carregue até 80% ou até 100%.
Assim não há que enganar, independentemente da voltagem ou da percentagem.
Viva amigo! O que li aqui no fórum em alguns tópicos é que a tensão das células é um factor de vital importância para a longevidade da bateria. Nesse sentido, é importante evitar que a mesma esteja muitas horas com tensões superiores a 4mv e inferiores a 3.6. O mjr aqui da casa também já referiu que a degradação é exponencial com o aumento de tensões de 0.05 mv.
Comecei há uns dias a testar a teoria do sparrrow no que concerne à monitorização do hx e por consequência do SOH e Ah em função do estilo de condução. Aparentemente e os dados (escassos) que tenho corroboram essa teoria embora seja cedo para conclusões. Para mim é claro nestes 3 meses e onde já percorri 7 mil kms, que o SOH sobe sempre quando o carro percorre mais kms, independentemente do tipo de condução, embora tenha a certeza que a condução que praticamos é "amiga" da bateria. Na semana que a esposa fica com o carro fazemos aproximadamente 200 kms nos dias úteis e o SOH baixa logo cerca de 1.5%. Na semana em que fico com a máquina faço no somatório dos 5 dias mais de 500kms e o SOH volta a subir novamente mais ou menos na mesma %.
Também verifico que o SOH sobe após um carregamento rápido (PCR) assim como num percurso onde ando mais depressa e "puxo" mais pelo carro.
Para já é isto que posso adiantar da minha experiência com o leaf 1 mk2 de 24kwh de 2015.
Neste momemto, alterei também um pouco a gestão das cargas tendo por base a questão da tensão das células. Quando a esposa fica com o carro precisa de menos autonomia e carrego a percentagem equivalente a voltagens na ordem dos 3.99 mv nas células. (aproximadamente 68% no LS).
Já na semana que me cabe, antes carregava a 100% balanceando diariamente as células e saindo de imediato para a estrada. No entanto, chegava ao trabalho com 77% de bateria e o carro assim permanecia por 8h com voltagens ainda acima dos 4mv. Agora carrego apenas até 85-90% saindo de imediato e chego ao trabalho com 67% e voltagens abaixo dos 4 mv. Vou analisar como evolui o HX e o SOH nestas condições e depois retirar ilações.

Abraços.

Avatar do Utilizador
filipeoliv
Mensagens: 547
Registado: 15 dez 2017, 12:14
Data de fabrico: 14 abr 2013
Capacidade bateria: 24 Kw

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por filipeoliv » 16 jul 2019, 10:28

Eu quanto a mim, não sei o que vos diga, é não ligar puto a isto.
A minha bateria está em queda livre e não consigo fazer nada para o evitar.
Tenho andado com o carro estes últimos dias.
No mês passado estava a cima dos 74% de SOH, repara agora como está.
Nos últimos 3 dias, todas as acelerações, foram feitas lentamente, evitei regenerações bruscas, saidas das rotundas, sempre com calma.
Uma coisa eu reparei e bate certo com o que o Sparrow falou, quando fui ao encontro nacional, na serra, com aquelas curvas deliciosas, abusei um bocado. Nada do outro mundo e muito longe do que faço com o gasóleo.
Mas nos 2 dias seguintes tinha perdido mais de 1%.
Lá está, acelera, trava, regenera e a seguir descarga....
Agora neste último mês, nada justifica esta queda.
Fica os dados até agora.

Imagem

Por este andar, não vai levar um mês até perder outra barra... :?

Avatar do Utilizador
pemifer
Proprietário Leaf
Mensagens: 2383
Registado: 15 fev 2016, 16:34
Data de fabrico: 27 mar 2018
Capacidade bateria: 109,30Ah
Localização: Lisboa

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por pemifer » 16 jul 2019, 12:10

corrisi Escreveu:
15 jul 2019, 20:40
pemifer Escreveu:
15 jul 2019, 11:02
O que faço, já fazia no Leaf anterior, é por o carregamento diário a parar à hora de saída, quer carregue até 80% ou até 100%.
...é importante evitar que a mesma esteja muitas horas com tensões superiores a 4mv e inferiores a 3.6 ...
Aparentemente não fui claro.
Os meus carregamentos diários até 80% acabam às 8:20.
Eu saio de casa entre as 8:20 e 8:35.
O carro está de 0 a 15 minutos carregado a 80%.

Ao fim de semana planeio de véspera a hora de saída e, conforme necessito, carrego a 80% ou 100% e saio de casa perto da hora planeada.
Ou seja, a bateria está a 80%, ou 100%, entre 0 a 30 minutos.

corrisi
Mensagens: 59
Registado: 01 dez 2018, 20:38
Data de fabrico: 01 jan 2011
Capacidade bateria: 65,5 Ah

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por corrisi » 16 jul 2019, 13:52

pemifer Escreveu:
16 jul 2019, 12:10
corrisi Escreveu:
15 jul 2019, 20:40
pemifer Escreveu:
15 jul 2019, 11:02
O que faço, já fazia no Leaf anterior, é por o carregamento diário a parar à hora de saída, quer carregue até 80% ou até 100%.
...é importante evitar que a mesma esteja muitas horas com tensões superiores a 4mv e inferiores a 3.6 ...
Aparentemente não fui claro.
Os meus carregamentos diários até 80% acabam às 8:20.
Eu saio de casa entre as 8:20 e 8:35.
O carro está de 0 a 15 minutos carregado a 80%.

Ao fim de semana planeio de véspera a hora de saída e, conforme necessito, carrego a 80% ou 100% e saio de casa perto da hora planeada.
Ou seja, a bateria está a 80%, ou 100%, entre 0 a 30 minutos.
Eu compreendi pemifer! Dessa forma evitas que o carro permaneça muito tempo acima dos 4mv. A minha intervenção foi mais em geral, alertando para a importância de se manter as tensões entre 3.6mv e 4. Abraço.

jfr2006
Mensagens: 2069
Registado: 26 nov 2014, 12:18
Data de fabrico: 31 out 2016
Capacidade bateria: 82.34Ah

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por jfr2006 » 16 jul 2019, 13:56

Só uma pequena correção: não são mV (miliVolt), mas sim tensões na casa dos V (Volt): 3.6 a 4 V. Se quiseres falar em mV, então é entre 3600mv e 4000mV

corrisi
Mensagens: 59
Registado: 01 dez 2018, 20:38
Data de fabrico: 01 jan 2011
Capacidade bateria: 65,5 Ah

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por corrisi » 16 jul 2019, 18:12

jfr2006 Escreveu:
16 jul 2019, 13:56
Só uma pequena correção: não são mV (miliVolt), mas sim tensões na casa dos V (Volt): 3.6 a 4 V. Se quiseres falar em mV, então é entre 3600mv e 4000mV
Obrigado pelo esclarecimento. Já agora no Leafspy por que aparece mV?

FiwiPITO
Proprietário Leaf
Mensagens: 307
Registado: 20 abr 2018, 11:43
Data de fabrico: 01 jun 2015
Capacidade bateria: 24Kw

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por FiwiPITO » 16 jul 2019, 18:27

Filipe se queres tirar as duvidas tens que fazer um teste de tomada real...mas Real...
Proprietário de Nissan Leaf 24KWh desde: 04 de Maio de 2018
1º Ano Eléctrico - 21.000kms :clap:

jfr2006
Mensagens: 2069
Registado: 26 nov 2014, 12:18
Data de fabrico: 31 out 2016
Capacidade bateria: 82.34Ah

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por jfr2006 » 16 jul 2019, 19:05

corrisi Escreveu:
16 jul 2019, 18:12
jfr2006 Escreveu:
16 jul 2019, 13:56
Só uma pequena correção: não são mV (miliVolt), mas sim tensões na casa dos V (Volt): 3.6 a 4 V. Se quiseres falar em mV, então é entre 3600mv e 4000mV
Obrigado pelo esclarecimento. Já agora no Leafspy por que aparece mV?
No Leafspy a única coisa que aparece em mV é a diferença de tensão entre a célula com mais tensão e a com menos.

Os outros valores são em Volt

corrisi
Mensagens: 59
Registado: 01 dez 2018, 20:38
Data de fabrico: 01 jan 2011
Capacidade bateria: 65,5 Ah

Re: DB Filipeoliv Leaf 24Kw

Mensagem por corrisi » 16 jul 2019, 21:26

filipeoliv Escreveu:
16 jul 2019, 10:28
Eu quanto a mim, não sei o que vos diga, é não ligar puto a isto.
A minha bateria está em queda livre e não consigo fazer nada para o evitar.
Tenho andado com o carro estes últimos dias.
No mês passado estava a cima dos 74% de SOH, repara agora como está.
Nos últimos 3 dias, todas as acelerações, foram feitas lentamente, evitei regenerações bruscas, saidas das rotundas, sempre com calma.
Uma coisa eu reparei e bate certo com o que o Sparrow falou, quando fui ao encontro nacional, na serra, com aquelas curvas deliciosas, abusei um bocado. Nada do outro mundo e muito longe do que faço com o gasóleo.
Mas nos 2 dias seguintes tinha perdido mais de 1%.
Lá está, acelera, trava, regenera e a seguir descarga....
Agora neste último mês, nada justifica esta queda.
Fica os dados até agora.

Imagem

Por este andar, não vai levar um mês até perder outra barra... :?
Viva! Estamos em pleno Verão com temperaturas elevadas e como sabemos isso não é favorável à "saúde" da bateria. Como são as temperaturas da tua garagem? Durante o dia fica exposto ao Sol? Caso isso não aconteça ainda, tenta que ele pernoite ao relento a ver se notas alguma diferença. Depois tenta aplicar os conselhos do sparrow e verifica se a curto prazo observas melhorias. Além disso, vê a questão da tensão das células, evitando longas horas parado acima de 4V e abaixo de 3.6V. 👌

Responder

Voltar para “Diários de Bordo 24 - 30 kW.h”